GOVERNO

Em Brasília, Paulo Câmara inicia negociação para empréstimos do Banco Mundial

O governador comentou que os projetos já iniciados devem ser expandidos e que o contato com organismos internacionais tem ajudado Pernambuco

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 26/02/2016 às 10:31
Leitura:
Foto: Ennio Benning/Divulgação


O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, esteve nessa quinta-feira (25) na sede da representação do Banco Mundial (Bird), em Brasília, falando das parcerias já desenvolvidas no estado, nas áreas de recursos hídricos e educação. Paulo Câmara afirmou que o próximo passo da conversa com o Banco Mundial é a elaboração de projetos relacionados aos problemas da microcefalia em recém nascidos.

“Os projetos que já estão em andamento têm que ser aumentados, indo em outras fontes. Por isso, é importante o contato permanente com organismos internacionais, que têm ajudado Pernambuco nos últimos anos”, comentou Paulo Câmara. Em entrevista à Rádio Jornal, o governador disse que espera do governo federal a autorização para novos pedidos de empréstimo e a possibilidade de alongamento dos prazos da dívida já existente.

Acompanhado dos secretários Márcio Stefanni (Fazenda), Thiago Norões (Desenvolvimento Econômico) e José Neto (Assessoria Especial), o governador Paulo Câmara disse que Pernambuco vai acelerar, como o próprio Governo Federal sinalizou para que, ainda no mês de março, existam as condições necessárias para avançar, em 2016, “com mais obras, investimentos e dotando o Estado de Pernambuco de prioridades que precisam ser enfrentadas, principalmente na questão hídrica, da saúde e da segurança”.

Paulo Câmara também falou de política e elogiou a escolha pela presidente Dilma Rousseff do senador pernambucano Humberto Costa para ser o líder do governo.

Mais Lidas