PROTESTO

Funcionários da Transcol fazem paralisação de advertência para cobrar direitos trabalhistas

A empresa Transcol opera 16 linhas e atende principalmente na Zona Norte do Recife

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 29/02/2016 às 5:43
Leitura:
Imagem ilustrativa: reprodução/Site Ônibus Brasil


Funcionários da empresa Transcol realizaram uma paralisação de advertência na manhã desta segunda-feira (29). Os motoristas e cobradores ficaram na porta na garagem, que fica na Avenida da Recuperação, no bairro da Guabiraba, Zona Norte do Recife, desde a madrugada e só liberaram a saída dos veículos a partir das 7h. Saiba mais na reportagem de Clarissa Siqueira:

De acordo com a categoria, a empresa está cometendo várias irregularidades trabalhistas, como o não pagamento de horas extras e a recusa ao recebimento de atestado médico. Apesar disso, o movimento não é apoiado pelo Sindicato dos Rodoviários. Um dos organizadores do protesto, Josival Costa afirma que os funcionários estão sendo lesados.

A reportagem da Rádio Jornal foi até o bairro de Sítio dos Pintos, onde o transporte público é operado pela Transcol. Ginalda Gomes e Cristina Maria afirmam que os veículos estão passando muito cheios e que elas foram pegas de surpresa com a paralisação.

A empresa Transcol opera 16 linhas e atende principalmente na Zona Norte do Recife. O trânsito é bem complicado no local e os passageiros se aglomeram nas paradas de ônibus.

Mais Lidas