SIMPERE

Após assembleia, professores da rede de ensino do Recife decretam greve

A deflagração da greve será dada à 0h da terça-feira (8)

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 03/03/2016 às 16:11
Leitura:
Foto: Lélia Perlim/ Rádio Jornal

Os professores da rede pública de ensino do Recife decretaram greve, nesta quinta-feira (3), após assembleia da categoria realizada no Teatro da Boa Vista.
Cláudia Ribeira, diretora de comunicação do Sindicato Municipal dos Professores da Rede Oficial do Recife (Simpere), afirma que a prefeitura obrigou a categoria a tomar a medida radical. “A proposta dela vai de encontro a lei do piso. É lei que os 11,36% seja repassado para desfazer uma distorção”, explicou. “Mas ao aplicar no formato que ela quer aplicar, além de destruir o nosso plano de cargos e carreira, cria uma outra situação que vai de encontro a própria lei”, completou a diretora.

A caminhada da categoria pelo centro da capital pernambucana serviu para alertar a população sobre a situação dos professores. “A propaganda que ele faz, inclusive com dinheiro público, é uma propaganda enganosa. O retrato real da educação municipal é esse aqui que está na rua sendo colocado: os profissionais de educação denunciando o caos que está a escola pública e a valorização profissional”, completou.

A deflagração da greve será dada à 0h da terça-feira (8). No mesmo dia, às 9h, uma assembleia no pátio da Câmara dos Vereadores para deflagrar oficialmente a greve. À tarde, o grupo se encontra no mesmo local para se juntar ao ato que vai ser realizado no Parque 13 de Maio.

Os professores pedem um reajuste de 11,36% para toda a categoria. Esse número foi oferecido pela prefeitura apenas para os profissionais do Nível 1, do magistério.

Mais Lidas