EXPLOSÃO

Polícia Científica coleta hoje material para investigar a morte de mecânico em posto de gasolina

Genival Antônio da Silva morreu na manhã da última terça (8) após explosão em posto de Afogados

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 09/03/2016 às 11:12
Leitura:
Foto: Clarissa Siqueira/Rádio Jornal

A Polícia Científica realizou na manhã desta quarta-feira (9) uma perícia complementar no posto de gasolina onde morreu o mecânico de bombas Genival Antônio da Silva, 49. O posto, que fica na Rua São Miguel em Afogados, área central do Recife, sofreu uma explosão em um tanque na manhã da última terça (8), com o qual Genival estava trabalhando.

Ainda ontem, a polícia havia realizado uma perícia simples para analisar as causas do acidente. Com essa perícia de hoje, serão analisadas imagens captadas pelas câmeras de segurança e informações como o uso de equipamento de segurança pelo mecânico serão obtidas.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a situação do posto está regularizada. Um funcionário do local informou que o mecânico trabalhava para uma empresa terceirizada, que foi contratada para consertar o problema no tanque de gasolina. A explosão ocorreu quando Genival trabalhava na abertura do tanque, que estava vazio. Ele usava uma lixadeira elétrica, que soltou faíscas e causou a explosão ao entrar em contato direto com os gases do tanque.

O perito do Instituto de Criminalística de Pernambuco, Diego Costa, informou que a Polícia Científica deve conversar ainda hoje com os donos do posto. O laudo da perícia deve sair em 30 dias. Ouça mais detalhes na reportagem de Clarissa Siqueira:

Mais Lidas