FUTEBOL

Sport joga mal, perde para o Fortaleza e se complica na Copa do Nordeste

A equipe rubro-negra perdeu por 2 a 1 e vai decidir classificação a próxima fase na última rodada

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 10/03/2016 às 0:47
Leitura:
Foto: LC Moreira/Estadão Conteúdo

Era um confronto de duas equipes com objetivos distintos no grupo D da Copa do Nordeste. Se para o Sport a vitória significaria a classificação com uma rodada de antecedência, para o Fortaleza uma vitória colocaria a equipe na briga e deixaria o grupo completamente embolado.

Como mandante e diante do seu torcedor, o Fortaleza quis impor o ritmo da partida contra o Sport. E não demorou muito para abrir o placar. Logo aos 3 minutos da primeira etapa, a zaga do Sport vacilou, Jean Mota fez o cruzamento na pequena área e Anselmo sozinho de cabeça abriu o placar, 1 a 0. A partida seguiu com total domínio da equipe cearense, e o Sport sem conseguir sequer um chute a gol. O segundo gol dos mandantes era questão de tempo. Até que aos 31 minutos, ainda no primeiro tempo, a zaga do Sport mais uma vez entregou o ouro. Matheus Ferraz deixou de graça pra Juninho, que rolou pra Jean Mota mandar uma bomba e fazer o segundo, 2 a 0. O primeiro tempo se encaminhava pro final, e nos acréscimo o Sport conseguiu achar um gol. Aos 47 minutos, Túlio de Melo diminuiu e deixou o torcedor na esperança ao menos de um empate, 2 a 1. O segundo tempo não reservou muitas emoções e para o Sport só restou amargar a derrota e quebrar a sequência de 8 jogos de invencibilidade.

O Santa Cruz quis logo se impor pela importância do resultado, e não demorou muito para abrir o placar. Aos 10 minutos da primeira etapa, Tiago Costa recebeu um lançamento, aproveitou a saída do goleiro e abriu o placar, 1 a 0. O placar parecia tranquilo para a equipe tricolor, mas aos oito minutos da segunda etapa, Caíque recebeu uma bola enfiada, passou por Thiago Cardoso e deixou tudo igual, 1 a 1. Depois do empate, o Santa Cruz cresceu na partida, e na necessidade dos três pontos, partiu para cima do Confiança. Aos 25 minutos, Keno tentou duas vezes, o goleiro Henrique salvou a primeira, mas na segunda mandou para dentro, fazendo 2 a 1. Dois minutos depois foi a vez de Bruno Moraes driblar goleiro e fechar a conta para o Santa Cruz, 3 a 1.

Mesmo com a derrota, o Sport se manteve na liderança do grupo D com 8 pontos ganhos. E independente da partida entre Botafogo da Paraíba e River, que acontece nesta quinta-feira (10) completando a rodada, o leão não perde posição. O problema é que em caso de vitória do Botafogo, a equipe da paraíba chegaria a 7 pontos e deixaria o grupo completamente embolado, com o Sport com 8 pontos, Fortaleza com 7 pontos e o Botafogo também com 7 pontos, tendo que decidir tudo na última rodada. Vale lembrar, que independente de qualquer coisa, o Sport só depende dele para se classificar na liderança do grupo.

Passada essa rodada da Copa do Nordeste, o Sport agora terá dois desafios seguidos pelo Pernambucano. No estadual, no próximo sábado, o leão recebe o Central na Ilha do Retiro, as 17h, pela 7ª rodada do Hexagonal do Título. Em seguida, será a vez do Sport encarar o América, no sábado (19), no estádio Ademir Cunha, as 20h30. Pela Copa do Nordeste, a equipe rubro-negra finaliza a participação na fase de grupos no dia 23 de março, contra o Botafogo da Paraíba, na Ilha do Retiro.

Direto da Arena Castelão, a Rádio Jornal com o Escrete de Ouro, transmitiu todas as emoções da partida. Roberto Queiroz narrou, com os comentários de Maciel Júnior e André Luiz Cabral. Nas reportagens a beira do gramado, João Victor Amorim. No plantão, trazendo todas as informações e resultados do futebol pelo Brasil e pelo mundo, Marcelo Araújo.

Confira os gols da partida, com a narração de Roberto Queiroz:

Ficha do jogo:

Fortaleza: Ricardo Berna; Felipe (Bruno Melo), Lima, Edimar e William Simões; Guto (Juliano), Dudu Cearense, Jean Mota e Éverton; Juninho e Anselmo. Técnico: Marquinhos Santos.

Sport: Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Renê; Serginho, Rithely e Gabriel Xavier (Luiz Antônio); Reinaldo Lenis (Fábio), Túlio de Melo e Vinícius Araújo. Técnico: Falcão.

Local: Arena Castelão, em Fortaleza. Árbitro: Ranilton Oliveira de Souza (MA). Assistentes: Carlos André Pereira e Antônio Fernando Souza. Gols: Anselmo, aos três; e Jean Mota, aos 31; Túlio de Melo, aos 47 do primeiro. Cartões amarelos: Éverton, Ricardo Berna, Renê e Durval.

Mais Lidas