OPERAÇÃO REMENDA

Charles Lucena é preso em operação da PF que investigava ONG de fachada

Os alvos da Operação Remenda são diretores de ONGs, ex-políticos e assessores. Prejuízo estimado é de cerca de R$ 4 milhões.

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 15/03/2016 às 10:11
Leitura:
Foto: reprodução/fecebook


O ex-deputado federal Charles Lucena foi preso nesta terça-feira (15) suspeito da de integrar quadrilha especializada em em desviar recursos públicos dos Ministérios da Agricultura e Turismo por intermédio de uma Organização Não Governamental (ONG) de fachada. A prisão temporária faz parte da Operação Remenda realizada pela Polícia Federal com apoio da Controladoria Geral da União-CGU.

Após 3 (três) anos de investigação, a Operação Remenda conseguiu reunir provas de irregularidades no processo de contratação da ONG, bem como na execução dos convênios. A investigação, coordenada pela PF, conseguiu constatar que parcela substancial dos recursos foi apropriado ilicitamente pelos diretores da ONG e por ex-assessor do ex-deputado federal de Pernambuco responsável pelas emendas parlamentares dos convênios.

São cumpridos, nesta terça-feira, 13 mandados de busca e apreensão, sete de prisão temporária e um de prisão preventiva em Pernambuco, Ceará, Distrito Federal e Rio de Janeiro. Também são cumpridos mandados de intimação para os investigados. Os alvos das medidas são diretores de ONGs, ex-políticos e assessores.

Também estão sendo tomadas medidas de bloqueio e sequestro de bens para viabilizar o ressarcimento aos cofres públicos. Até o momento, o prejuízo comprovado é de cerca de R$ 700 mil, mas pode passar dos R$ 4 milhões.

Os crimes investigados são: formação de quadrilha ou bando; peculato ou apropriação indébita de recursos públicos; e lavagem de dinheiro. Além disto, investiga-se o uso de “testa-de-ferro” por parte do ex-deputado federal para ocultação de patrimônio ilícito.

A Operação Remenda faz referência a um trocadilho de palavras pelo fato de os recursos terem sidos liberados por emenda parlamentar, ou seja, remendar um problema com outra emenda.

Mais Lidas