#PROTESTO1803

Manifestação pró-governo sai em passeata pelas ruas do centro do Recife

Promovido pela Frente Brasil Popular de Pernambuco, o ato também manifesta em defesa da democracia, dos direitos sociais e em defesa do Governo Federal

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 18/03/2016 às 15:07
Leitura:
Praça do Derby tomada por manifestantes pró-governo
Foto: Lélia Perlim/ Rádio Jornal

Os manifestantes no ato pela democracia, marcado para a tarde desta sexta-feira (18), lotaram a Praça do Derby, área central do Recife. A concentração teve início no começo da tarde com a chegada dos primeiros manifestantes. Eles já saíram em caminhada pelas ruas com sentido a Avenida Conde da Boa Vista até a Praça da Independência.

Muita gente foi vestida com camisas vermelhas e com cartazes afirmando que "não vai ter golpe". O dia de mobilização nacional é promovido pela Frente Brasil Popular de Pernambuco. O ato tem como mote, segundo os organizadores, ser contra o golpe, em defesa da democracia e dos direitos sociais.

O presidente do PT em Pernambuco, Bruno Ribeiro, falou em confiança na sociedade para defender o Governo Federal. “Nós hoje temos muita confiança que a sociedade vai dar um grito muito forte para calar a voz do condomínio do golpe”, disse. “Essas forças que estão se articulando há um ano e meio, interditando o governo, manipulando investigações, direcionando manchetes de jornais para incriminar pessoas dignas com o objetivo de tumultuar o país e tentar romper com o estado de direito e com a democracia”, defendeu o petista, afirmando ainda que esse grupo não aceita o resultado das eleições 2014.

A repórter Lélia Perlim acompanha os manifestantes e tem as informações:

[uomais_audio 15803161]

O deputado federal Silvio Costa (PTdoB), a vereadora Marília Arraes, recém filiada ao PT, também estão no ato. Grupos sociais, sindicais e movimentos culturais também estão na manifestação.

Início da concentração na Praça do Derby
Foto: Lélia Perlim/ Rádio Jornal

O dragão do bloco Eu Acho é Pouco também já está no Derby

De acordo com Carlos Veras, presidente da CUT em Pernambuco, falou com a repórter Lélia Perlim antes do início da caminhada. “Acredito que os trabalhadores tenham ciência do que significa o dia de hoje, porque se não viermos para a rua talvez amanhã não tenha mais pelo que lutar”, comentou. “O que está em jogo é a democracia, é um ataque aos direitos dos trabalhadores”, disse. "Não vai ter golpe. Hoje é dia de defender a democracia", discursou Carlos Veras.

A Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Pernambuco (Fetape) também vai participar do ato. De acordo com o diretor de políticas da terceira idade da Fetape, Israel Crispim, vários ônibus e vans saíram das regiões do Agreste, Sertão e Zonas da Mata Norte e Sul do Estado trazendo cerca de 2 mil trabalhadores rurais.

Juliana Oliveira traz os detalhes:

]

Mais Lidas