SUSTO

Vigilante baleado durante assalto no antigo prédio da SES recebe alta

Após balear a vítima, o assaltante se aproximou da vítima, pegou a arma que estava ao lado do corpo e saiu andando pela rua Fernandes Vieira

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/03/2016 às 14:15
Leitura:
Foto: Reprodução/ Vídeo

Há dois meses sem receberem os salários, os vigilantes que trabalham na antiga sede da Secretaria Estadual de Saúde, no bairro da Boa Vista, centro Recife, além de revoltados agora estão com medo.

De acordo com os trabalhadores, o assalto que resultou em um vigilante baleado na manhã desta segunda-feira (21) é o terceiro registrado no local desde o final do ano passado. Seis armas já foram roubadas nas investidas, porém o crime desta segunda-feira foi o primeiro no qual uma pessoa fica ferida.

Segundo testemunhas, depois da troca de turno, Bruno Magalhães de Santana, de 35 anos, estava encostado na portaria conversando com um colega quando foi abordado pelo suspeito, que já estava com a arma em punho. Com o anúncio do assalto, Bruno correu e foi baleado no peito, caindo no chão.

Bruno Magalhães Santana foi encaminhado consciente para o Hospital da Restauração, no centro da capital pernambucana. Ele já recebeu alta da unidade de saúde.

O assaltante se aproximou da vítima, pegou a arma que estava ao lado do corpo e saiu andando pela rua Fernandes Vieira. O outro vigilante com quem Bruno conversava na hora do crime, fala o que viu. Ele não quis ser identificado por ter medo de represálias dos suspeitos.

Confira os detalhes na reportagem de Pedro Souza:

Na antiga sede da Secretaria de Saúde do Estado atualmente funcionam quatro órgãos: o Centro de Assistência Toxicológica (Ceatox), o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), a Vigilância Sanitária e a Farmácia de Pernambuco.

Mais Lidas