SAÚDE

Depois de anos, Pernambuco volta a registrar casos da Influenza A H1N1

Pernambuco está em quarto lugar entre os estados com maior número de casos da Influenza A H1N1

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 29/03/2016 às 8:22
Leitura:
Foto ilustrativa: reprodução/internet


O levantamento do Ministério da Saúde mostra que, do início do ano até 19 de março, já foram registrados 305 casos da influenza a H1N1 no país. Pernambuco aparece na quarta posição entre os estados com maior incidência com três pessoas infectadas com o vírus.

Apenas no primeiro trimestre de 2016, o número de pessoas infectadas e mortas já é maior do que o registrado no ano passado. A pessoa que contrai a Influenza A tem congestão nasal, espirros, tosse seca, moleza, além de dores no ouvido e na garganta.

A coordenadora do programa de imunização do estado, Ana Catarina Melo, diz que a Secretaria de Saúde está ciente da circulação do vírus e que não há razão para desespero. “Não há motivo para preocupação, precisamos apenas manter o cuidado. Os três casos que tivemos foram de pessoas que evoluíram bem”, disse.

A campanha de vacinação 30 de abril a 20 de maio. Os grupos prioritários para receber a vacina engloba crianças de seis meses a cinco anos, idosos, trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto), portadores de doenças crônicas não transmissíveis e população privada de liberdade, por serem mais vulneráveis a desenvolver a doença.

Mais Lidas