SAÚDE PÚBLICA

Servidores do Oswaldo Cruz protestam por mais investimentos na saúde pública

Eles denunciam o caos na saúde pública e pedem mais investimentos no combate às doenças transmitidas pelo Aedes aegypti

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 01/04/2016 às 6:00
Leitura:
Foto: Edmar Melo/ JC Imagem


Servidores do Hospital Oswaldo Cruz, que fica no bairro de Santo Amaro, área central do Recife, realizam protesto em frente ao hospital-escola nesta sexta-feira (1º). O ato terá o reforço de pacientes e familiares e tem como objetivo reivindicar mais investimentos para a saúde pública. Saiba mais na reportagem de Rafael Carneiro:

Os funcionários denunciam que o quadro de técnico-administrativos da unidade é insuficiente e defasado. O Oswaldo Cruz é referência na pesquisa sobre microcefalia e no atendimento dos casos de zika, chikungunya e dengue, doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti. Durante o protesto serão distribuídos panfletos detalhando a carência de profissionais de apoio para ajudar nos estudos sobre arboviroses.

MICROCEFALIA

A malformação congênita é tema de uma mesa redonda no auditório da Fiocruz Pernambuco, na Cidade Universitária, a partir das 9h. O debate vai enfocar os aspectos sociais do aumento no número de casos, como por exemplo a relação da falta de saneamento nas residências das famílias com bebês com malformação.

Mais Lidas