IMPEACHMENT

"Golpistas podem ter chefe e vice-chefe assumidos", afirma Dilma

Presidente falou sobre vazamento de áudio do vice-presidente Michel Temer e disse que não há mais dúvida sobre golpe

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 12/04/2016 às 16:30
Leitura:
Dilma falou sobre vazamento de áudio de Michel Temer
Foto: José Cruz/Agência Brasil

Um grupo de deputados da oposição realizaram um protesto na porta do Palácio do Planalto, na tarde desta terça-feira (12), aos gritos de “Fora Dilma” e “Não Vai Ter Boquinha”.

A presidente Dilma Rousseff esteve hoje em um ato programado por integrantes do Ministério da Educação, sindicatos, os estudantes e a presidente voltou a tocar no assunto que para ela foi bastante incômodo: o vazamento do áudio do vice-presidente Michel Temer.

Ontem, Dilma Rousseff reuniu um grupo de parlamentares e disse que o vazamento do discurso de Michel Temer, supostamente, ensaiando o dia da posse, é um discurso golpista de quem está se juntando para ferir de morte a democracia brasileira.

“Se ainda havia alguma dúvida sobre o golpe, a farsa e a traição em curso não há mais. Se havia alguma dúvida sobre a minha denúncia de que há um golpe de estado em andamento não pode haver mais”, disse a presidente. “Os golpistas podem ter chefe e vice-chefe assumidos”, acrescentou.

Confira todo os detalhes na reportagem de Romoaldo de Souza:

Muro dividirá manifestantes pró e contra impeachment
Foto: Elza Fiúza/ Agência Brasil

A capital federal, na esplanada dos ministérios está dividida ao meio. Do lado norte vão ficar os manifestantes que são contrários ao impeachment da presidente Dilma Rousseff. E do lado sul vão ficar aqueles que são a favor da retirada de Dilma do poder. A votação acontecerá domingo (17), às 14h.

Mais Lidas