INSATISFAÇÃO

Sem revisão salarial há dois anos, PMs e bombeiros protestam

Grupo está concentrado na Alepe e pretende sair em caminhada pelas ruas da área central do Recife

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 13/04/2016 às 15:09
Leitura:
Categoria em concentração na Alepe
Foto: Juliana Oliveira/ Rádio Jornal


Centenas de policiais militares e bombeiros protestam em frente à Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) contra os baixos salários e pedem também melhores condições de trabalho. A categoria afirma que o clima nos quarteis é de grande insatisfação.

O presidente da Associação dos Cabos e Soldados, cabo Alberisson Carlos, fala sobre a mobilização que pretende sair em caminhada pelas ruas do centro do Recife. “Nós vamos sair daqui da Alepe em direção ao Palácio do Governo onde nós vamos, mais uma vez, tentar sensibilizar o governador para a reunião que já deveria ter acontecido sobre o fórum permanente de discussão sobre os militares estaduais”, disse.

Segundo o presidente, o Estado até agora não chamou a categoria para apresentar a proposta. “Não é de reajuste, não é de aumento. É uma proposta baseada no artigo 37 incisos 10 da constituição que é a de revisão anual salarial”, explicou, apontando que há dois anos não há reajuste ou revisão no salário.

Confira os detalhes na reportagem de Juliana Oliveira:

Mais Lidas