IMPEACHMENT

Pronunciamento da presidente é cancelado por recomendação de Cardozo

O advogado geral da união, José Eduardo Cardozo convocou uma entrevista coletiva para explicar a decisão. Mas, a justificativa é que "o momento não condiz com a necessidade de fazer um pronunciamento"

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 15/04/2016 às 18:24
Leitura:
Foto: Reprodução


A Advocacia Geral da União enviou um comunicado, no final da tarde desta sexta-feira (15), ao Palácio do Planalto, recomendando que o pronunciamento da presidente Dilma Rousseff, marcado para esta noite, seja cancelado.

O advogado geral da união, José Eduardo Cardozo convocou uma entrevista coletiva para explicar a decisão. Mas, a justificativa é que "o momento não condiz com a necessidade de fazer um pronunciamento". Na prática, o partido Solidariedade, entrou com uma ação na justiça Federal pedindo que seja bloqueado.

Para não haver conflito, a AGU mandou essa recomendação. A secretaria de imprensa no Palácio do Planalto não havia confirmado o recebimento o comunicado do advogado, que, por sua vez, convocou a imprensa para esclarecer os motivos da recomendação.

Confira, direto de Brasília, as informações com Romoaldo de Souza:

Mais Lidas