ENTREVISTA

Cristovam Buarque: precisar fazer impeachment é prova de fracasso do Brasil

Senador defende processo de impeachment contra Dilma, mas não vê com bons olhos um Governo Temer

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 17/04/2016 às 7:46
Leitura:

Um bom café e um bom papo político. O repórter da Rádio Jornal em Brasília, Romoaldo de Souza, conversou com o senador Cristovam Buarque (PDT-DF), que é pernambucano, sobre o ápice da atual crise política que vivemos neste domingo (17) com a votação da admissibilidade ou não do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT). Ele falou de tudo um pouco e criticou o governo, o PT, mas também não demonstrou grandes esperanças pelo vice-presidente Michel Temer (PMDB), que pode se chegar ao poder com a queda da petista.

Acompanhe os principais trechos:

IMPEACHMENT

"Sou a favor da admissibilidade do processo de impeachment de Dilma, mas não posso adiantar meu voto, porque seremos juizes no Senado"

"Alguma dessas alternativas vai resolver? Não vai. Com impeachment ou não, não resolve a situação do Brasil"

"Precisar fazer impeachament é prova de fracasso não só do governo Dilma, mas do Brasil. Defendo eleição geral para ter um governo com credibilidade"

GOVERNO DILMA

"O governo Dilma cometeu crimes que não estão na peça do impeachment: incompetência e irresponsabilidade com a economia e as mentiras na campanha"

MICHEL TEMER

"Não consigo ver com bons olhos como seria um governo Temer"

BOLSA FAMÍLIA

"O Bolsa Família criou dependência do povo, se esgotou. Mas precisa ser mantido por mais tempo"

ESQUERDA

"A esquerda sai de baixo dos escombros criados pelo governo do PT. Vive a queda do muro de Berlim brasileira"

"A esquerda precisa enteder que o fundamental não é estatal, é o público. Uma nova esquerda pode surgir, mas vai demorar, e surgirá pela esquerda"

Mais Lidas