REAJUSTE

Audiência pode por fim à falta de dinheiro nos caixas eletrônicos

Patrões e funcionários de empresas que abastecem os caixas se encontram no Tribunal Regional do Trabalho para negociar campanha salarial.

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 19/04/2016 às 6:02
Leitura:
reportagem da Rádio Jornal pércorreu bancos e postos de atendimento no Grande Recife e constatou a falta de dinheiro. Foto: Divulgação


Uma audiência entre os vigilantes de transporte de valores e o patronato pode encerrar a greve da categoria, que chega ao 8º dia nesta quarta-feira (20). O encontro está marcado para às 13h no Tribunal Regional do Trabalho, no Bairro do Recife, área central da Capital Pernambucana.

Por enquanto, funcionários de cinco empresas de transporte de valores estão paralisados: Prossegur, Brinks, Corpedes, Preserve e Liserve. O reflexo da greve é a falta de dinheiro nos caixas eletrônicos na Região Metropolitana do Recife.

O Ministério Público do Trabalho intermedia a negociação da campanha salarial já que o sindicato dos vigilantes tinha fechado acordo com as empresas, que oferecem 12%, o que não foi aceito pela categoria. Enquanto isso, os trabalhadores do transporte de valores reivindicam 20% de reajuste além de outros benefícios.

Mais Lidas