PRESÍDIOS

Novo secretário promete ressocialização mais eficiente em Pernambuco

Antigo secretário de Ressocialização de Pernambuco deixou o cargo alegando projetos pessoais

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 25/04/2016 às 14:48
Leitura:
Foto: Sindasp-PE

Com um cenário desfavorável de rebeliões, mortes, explosões e fugas no sistema prisional, o Governo do Estado escolheu um agente penitenciário para assumir a Secretaria Executiva de Ressocialização, que estava vaga depois da saída do coronel reformado Éden Vespaziano. Ele alegou projetos pessoais para deixar a pasta em que estava há um ano e três meses à frente.

Para o lugar dele tomou posse, nesta segunda-feira (25), Cícero Rodrigues. Com 16 anos de atuação como agente penitenciário, esteve à frente da Gerência de Inteligência e Segurança Orgânica e promete usar a experiência para contribuir com a ressocialização mais eficiente de presos. “Voltar esse homem à sociedade de forma digna. Vai ser difícil, é um trabalho árduo, mas nós vamos tentar através do trabalho, educação, todos os projetos de ressocializações, nós vamos atrás de outros Estados de outras ideias e boas práticas e vamos tentar implementar em Pernambuco”, disse.

Confira os detalhes na reportagem de Rafael Carneiro:

O desafio do novo secretário é melhorar a convivência dentro das unidades prisionais do Estado, que hoje tem uma população três vezes maior do que a capacidade.

O secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, pretende dar continuidade ao trabalho já iniciado pelo antecessor de Cícero Rodrigues e promete trabalhar juntos.

Mais Lidas