DIA DO TRABAHADOR

Dilma anuncia reajuste de 9,5% no Bolsa Família e correção de 5% no IR

Presidente anunciou medidas durante ato do Dia do Trabalhador em São Paulo.

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 02/05/2016 às 6:07
Leitura:
Foto: Agência Brasil


As propostas foram apresentadas pela presidente Dilma Rousseff durante ato realizado em São Paulo neste domingo (1º), Dia Do Trabalhador. Os detalhes serão apresentados em entrevista coletiva no Palácio do Planalto, em Brasília, nos próximos dias.

Com a correção a partir de junho, o valor médio do programa Bolsa Família passa para R$ 176. No caso do Imposto de Renda para Pessoa Física, a revisão na tabela será de 5% a partir de 2017.

No discurso, Dilma Rousseff voltou a garantir que pretende lutar pela continuidade do mandato. A presidente falou ainda da proposta de 20 dias de licença paternidade para servidores federais e destacou o Bolsa Família:

As medidas fazem parte de um pacote com o intuito de construir uma agenda positiva para o governo petista. Os reajustes foram criticados pelos adversários da petista, entre os quais o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB).

O ato realizado no Dia do Trabalhador foi organizado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) em várias capitais do Brasil. De acordo com a Polícia Militar, pelo menos 50 mil pessoas participaram do ato em São Paulo, onde Dilma discursou. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva cancelou a presença no evento por causa de problemas na voz.

Mais Lidas