ENTREVISTA

“Imagens das câmeras de segurança nos ônibus são péssimas”, diz Secretário

Alessandro Carvalho rebateu empresário e disse que imagens das câmaras de segurança não ajudam a identificar os criminosos

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 05/05/2016 às 10:14
Leitura:


Em entrevista ao programa Passando a Limpo nesta quinta-feira (5), o secretário de Defesa Social Alessandro Carvalho rebateu o empresário que gerencia a Itamaracá transportes sobre segurança nos ônibus. De acordo com o secretário, as imagens geradas pelas câmeras não tem qualidade e não ajudam a polícia a identificar os suspeitos.

Na quarta-feira (4), Alfredo Bezerra Leite, empresário que gerencia a Itamaracá, criticou o Estado e disse que a Polícia recebe as informações e não faz as rondas necessárias.

Já para o secretário, o Estado está preocupado com o número crescente de assaltos a ônibus e o investimento em segurança é crescente. Alessandro afirmou que, em janeiro, foram feitas 711 vistorias a ônibus, número que passou para 912 em fevereiro e para 2.939 em março. Já em abril, 3.709 viagens foram fiscalizadas pela polícia.

As revistas resultaram na prisão de 20 adultos e na apreensão de quatro menores. Alessandro ressalta ainda que a PM recolheu seis armas de fogo e duas facas, além de entorpecentes.

Alessandro afirmou que está formulando um projeto para implantar rastreadores com GPS em todos os veículos, botão de pânico e câmeras de qualidade para ajudar a identificar os criminosos e os locais onde os crimes estão acontecendo. O projeto deve ser entregue ao governador na próxima semana.

Mais Lidas