LAVA JATO

Empresário pernambucano é considerado foragido pela Polícia Federal

No apartamento do empresário, os policiais tentaram cumprir um mandado de prisão temporária e de busca e de apreensão, o que não foi possível

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 23/05/2016 às 14:06
Leitura:
Polícia Federal considera empresário foragido
Foto: Agência Brasil

No final da manhã desta segunda-feira (23), a Polícia Federal passou a considerar um empresário do segmento de postos de combustíveis foragido, depois de visitar o Edifício Pinheiro, em Apipucos, na Zona Norte do Recife, e não encontrar documentos e o suspeito de participação em esquema ligado a Petrobras.

No apartamento em reforma os policiais federais tentaram cumprir um mandado de prisão temporária e de busca e de apreensão, o que não foi possível. “Não houve nenhum material a ser arrecadado lá. E a prisão temporária, os próprios filhos disseram que ele está numa viagem ao exterior”, explicou Giovani Santoro, chefe de comunicação da Polícia Federal aqui em Pernambuco.

Os detalhes na reportagem de Rafael Carneiro:

O trabalho da PF aqui em Pernambuco, faz parte da 29ª fase da Operação Lava Jato, denominada Repescagem, com braços no Distrito Federal e na cidade do Rio de Janeiro.

?De acordo com a investigação, sediada em Curitiba, comandada pelo delegado Luciano de Flores de Lima, Humberto do Amaral Carrilho teria procurado Paulo Roberto Costa, na época diretor de abastecimento da Petrobras, com o objetivo de firmar um contrato de construção de um terminal de distribuição no Rio Amazonas e em troca pagaria uma quantia mensal pelo esquema.

O delegado Luciano de Flores aguarda um contato do advogado do alvo para tratar da apresentação do empresário.

A Polícia Federal já sabe em que País se encontra o empresário foragido e, caso não haja contato por parte da defesa, promete já a partir desta terça-feira (24) acionar a Interpol.

Procurado pela Rádio Jornal, o advogado do empresário pernambucano, Ademar Rigueira, afirmou que ele está viajando a trabalho, mas vai prestar todos esclarecimentos. De acordo com Rigueira, Carrilho vai se apresentar ainda nesta semana em Curitiba.

Mais Lidas