JULGAMENTO

Audiência do assassinato de professor em restaurante é cancelada

José Renato de Souza foi morto a tiros durante assalto no Dia dos Pais. Juiz viu conflito de interesse na defesa de um suspeito

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 03/06/2016 às 11:03
Leitura:
Professor foi assassinato durante assalto em restaurante. Foto: Sergio Bernardo/ JC Imagem


A primeira audiência de instrução dos acusados de assassinar o professor José Renato de Souza, de 39 anos, em agosto de 2015, que aconteceria nesta sexta-feira (3), foi cancelada. O juíz da Primeira Vara Criminal, Cristovão Tenório de Almeida, é o respónsável pelo caso. Ele viu conflito de interesse na defesa e solicitou que um segundo defensor público fosse insituído para defender os suspeitos.

De acordo com a Polícia, José Renato de Souza foi confundido com um policial. Foto: arquivo pessoal


A nova data da audiência foi agendada para 1º de julho. O crime aconteceu no Dia dos Pais, durante a hora do almoço, no Restaurante Galettus da Caxangá, Zona Oeste do Recife.José Renato de Souza se preparava para pagar a conta quando foi abordado pelos assaltantes. De acordo com a Polícia, ele foi confundido com um policial porque demorou a entregar a carteira e foi executado pelos ladrões.

Os acusados pelo assassinato de José Renato são o ex-presidiário Severino Martins Canha, conhecido por Silva, 24, que teria dado a ordem para atirar, e Marcelo Henrique dos Santos, 23, que fez o primeiro disparo contra a vítima. Os dois estão presos no Cotel, em Abreu e Lima. Além deles, dois adolescentes que participaram do assalto atualmente cumprem medida sócio-educativa na unidade da Funase do Cabo de Santo Agostinho.

Mais Lidas