OLINDA

Atrasada 29 meses, TCE emite alerta sobre obra do Canal do Fragoso

TCE emitiu um alerta à Cehab para que sejam adotadas medidas para sanar as irregularidades constatadas na obra

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 08/06/2016 às 15:49
Leitura:
Obra estaria prejudicando vida dos moradores
Foto: Lélia Perlim/ Rádio Jornal


Os moradores de Olinda têm sofrido com as recentes chuvas que atingiram a Região Metropolitana do Recife. No dia 30 de maio, os bairros de Jardim Fragoso, Jardim Atlântico e Casa Caiada tiveram registro de várias ruas e casas alagadas e pessoas que perderam tudo. Os moradores responsabilizam a obra inacabada do Canal do Fragoso II pelo ocorrido.

Confira os detalhes na reportagem de Isabela Dias:

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) emitiu um alerta de responsabilização à Companhia Estadual de Habitação de Obras (Cehab) para que sejam adotadas medidas para sanar as irregularidades constatadas na obra de revestimento do Canal do Fragoso II, em Olinda.

O alerta é para que sejam realizados serviços de limpeza, desobstrução e aumento da calha natural do curso da água para minimizar os efeitos das inundações e executar, de forma imediata, a obra desse trecho prevenindo futuros alagamentos.

O secretário de Habitação do Estado, Marcos Baptista, informa que algumas medidas estão sendo tomadas e que o prazo concedido pelo TCE vai ser cumprido. “Uma das ações emergenciais que o tribunal indica e sugere é o imediato alargamento da calha do rio, onde a obra ainda não chegou”, disse o secretário, afirmando que é difícil realizar essa ação pois a calha do rio estaria tomada por moradias.

Ainda de acordo com inspeção realizada pelos técnicos do núcleo de engenharia do TCE no mês de maio, a obra está com atraso de 29 meses em relação ao prazo previsto no contrato. O serviço deve se estender por mais nove meses até a conclusão.

Mais Lidas