DILMA NO RECIFE

"Quem vai cair hoje?”, ironiza Dilma sobre saída de ministros do governo interino de Temer

Dilma Rousseff vista a capital pernambucana nesta sexta-feira. Ela foi recebida em evento na UFPE e participará de um ato ao final do dia

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 17/06/2016 às 14:23
Leitura:
Militantes acompanharam pronunciamento de Dilma do lado de fora
Foto: Blog de Jamildo

A presidente afastada Dilma Rousseff participou da cerimônia de lançamento do livro A Resistência do Golpe de 2016 na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Dilma chegou por volta das 13h30 e um grupo de militantes já aguardava a chegada dela com rosas. A solenidade aconteceu no Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA).

Os detalhes com Lélia Perlim:

Os manifestantes gritavam, no momento da chegada de Dilma, “volta, querida”, uma resposta ao “tchau, querida” dos grupos favoráveis ao impeachment de Dilma. Muita gente não conseguiu entrar no auditório e acompanha a solenidade através de um telão, montado do lado de fora do CCSA.

Dilma iniciou o discurso criticando Michel Temer e seguidores gritaram “fora, Temer”. Dilma ainda ironizou a saída de três ministros do governo interino num período de pouco mais de trinta dias. “Quem vai cair hoje?”, questionou Dilma.

Confira os detalhes no flash de Lélia Perlim:

A presidente afastada reforçou a sua fala ao afirmar que o impeachment é golpe. "Golpe é golpe. Os brasileiros sabem disso, a imprensa internacional sabe disso", disse.

Dilma saiu de carro da UFPE
Foto: Blog de Jamildo

Dilma finalizou fala após 42 minutos. "Eu considero que a gente tem que ser madeira que cupim não rói", disse Dilma acompanhada por manifestantes que cantaram o frevo Madeira do Rosarinho.

Ato na UFPE é organizado pelo Coletivo Pela Democracia, formado por docentes, técnicos e estudantes. A presidente afastada seguirá para um hotel, ao final da solenidade e participará de um ato na Praça do Carmo, na área central do Recife no final da tarde.

Mais Lidas