INFLAÇÃO

Com feijão 53% mais caro, valor da cesta básica no Recife aumenta

O levantamento do Dieese indicou aumento da cesta básica de preços em 26 capitais brasileiras

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 06/07/2016 às 16:14
Leitura:
Foto: Agência Brasil

Entre os meses de maio e junho deste ano, o valor da cesta básica aumentou 3,39%, no recife. A informação foi divulgada pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). O maior vilão da cesta foi o feijão, que ficou 52,77% mais caro.

O custo dos itens básicos consumidos pelos recifenses passou de R$ 353,78 para R$ 365,79, um aumento de R$ 12,1. Na capital, o custo da cesta básica representa um comprometimento de 45,18% do salário mínimo. Isso representa um impacto de quase metade do salário mínimo do recifense.

No detalhamento de preços dos produtos, o feijão foi o campeão de alta, seguido da manteiga e do leite. Já o tomate, óleo de soja e a banana tiveram baixa. O levantamento indicou aumento de preços em 26 capitais brasileiras, com redução apenas em Manaus.

Devido ao forte aumento do preço do feijão a redução de alguns produtos, como sabonete, não foi suficiente para balancear o valor da cesta, como explicou a gerente de atendimento do Procon, Daniele Sena:

Mais Lidas