COMÉRCIO ILEGAL

Polícia Rodoviária Federal desarticula quadrilha que vendia cigarros falsificados

A venda de cigarros falsificados movimenta R$ 6,5 bilhões por ano.

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 07/07/2016 às 7:23
Leitura:
Foto: Divulgação/Polícia Federal


A Polícia Rodoviária Federal prendeu, na manhã desta quinta-feira (7), integrantes de duas quadrilhas que compravam cigarros falsificados e distribuíam o produto em pelo menos sete estados do Nordeste. A ação foi realizada em cidades de Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Bahia e Rio Grande do Norte.

As ações fazem parte da Operação Kapnós, que cumpriu 14 mandados de prisão e 29 de busca e apreensão. Ao todo, 100 agentes da Polícia Rodoviária Federal e 45 homens das polícias Civil e Militar de Alagoas foram acionados.

A operação está recolhendo centenas de caixas de cigarros falsificados, além de veículos de luxo, lanchas e jet-skis. Todos os bens teriam sido comprados e colocados no nome de laranjas com o intuito de lavar o dinheiro adquirido com o comércio ilegal de cigarros.

Em Pernambuco, uma das quadrilhas distribuía os cigarros nos municípios de Caruaru e Cupira, no Agreste do Estado, com faturamento de mais de R$ 1 milhão por ano. De acordo com o Instituto de Desenvolvimento e Social de Fronteiras, no Brasil, o cigarro ilegal movimenta R$ 6,5 bilhões por ano.

Mais Lidas