MOBILIDADE

Ônibus sem cobrador também não terá meia passagem aos domingos

Medida começou a ser adotada nesta segunda-feira na linha TI Abreu e Lima/TI Macaxeira. Por enquanto, cobradores permanecem nos coletivos orientando a população

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 11/07/2016 às 15:35
Leitura:
Foto: Clarissa Siqueira/ Rádio Jornal

Os cerca de seis mil passageiros que circulam por dia na linha TI Abreu e Lima/TI Macaxeira já começaram a fazer o pagamento das passagens apenas pelo Vale Eletrônico Metropolitano (VEM), seja o cartão estudante, trabalhador, comum ou livre acesso.

Durante uma semana os cobradores vão permanecer dentro dos coletivos para orientar os usuários e vender o VEM ao custo de R$ 10, com R$ 6 de crédito. Depois desse período, a função do cobrador, nos oito ônibus da linha, passa a ser extinta.

De acordo com o Grande Recife Consórcio de Transporte, a proposta é evitar a circulação de dinheiro em espécie dentro dos ônibus e assim diminuir os assaltos. A linha seria a primeira a receber a proposta, como um teste. Porém, os passageiros da linha TI Abreu e Lima/TI Macaxeira não aprovaram a mudança.

Para a estagiária em administração, Priscila Wanderley, agora os bandidos vão procurar roubar ainda mais os usuários. “Uma porcaria. Se os assaltantes entrarem dentro do ônibus e não encontrarem o cobrador vão assaltar os passageiros. Como sempre, quem sofre é a população”, reclamou.

Com a mudança, os passageiros da linha reclamam também que não vão ter mais direito a meia passagem aos domingos, pois o desconto só é dado para passagens pagas em dinheiro. A recepcionista Marli Gomes, reclamou dizendo que a passagem mais barata era uma oportunidade de sair para passear aos domingos com um custo menor.

Clarissa Siqueira tem os detalhes:

O diretor executivo da empresa pedrosa, responsável pela TI Abreu e Lima/TI Macaxeira, Antero Parahyba, relata que os 20 cobradores da linha, depois da extinção da função, vão ter a função de vender e recarregar os cartões.

A linha TI Abreu e Lima/TI Macaxeira foi escolhida para dar início ao projeto ônibus sem cobradores, pois nos quase 25 quilômetros de percurso, os coletivos passam pela BR-101 Norte, num trecho considerado inseguro. Dúvidas dos passageiros sobre os pontos de venda e recarga do vem podem ser esclarecidas pelo número de telefone do Grande Recife Consórcio de Transporte: 0800 081 01 58.

Mais Lidas