DOENÇA VASCULAR PERIFÉRICA

Campanha alerta para tratamento da doença vascular periférica

No Parque da Jaqueira, médicos orientam sobre como identificar os sintomas e cuidar da doença que afeta vasos e a circulação do sangue

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 14/07/2016 às 8:28
Leitura:
Foto: Clarissa Siqueira | Rádio Jornal


Quem sente dores nas pernas, cãibras, apresenta formação de feridas nos membros inferiores ou varizes, devem ficar atentos: estes são os primeiros sintomas da doença vascular periférica.

Nesta quinta-feira (14), é celebrado o dia nacional de combate à doença e, para marcar a data, um evento atende a população no Parque da Jaqueira, na zona Norte do Recife.

Um estante foi montado no local, onde médicos orientam as pessoas e esclarecem todas as dúvidas, gratuitamente.

A doença vascular periférica pode apresentar duas formas: arterial ou venosa. No problema arterial, afeta os vasos que levam o sangue do coração para os órgãos. Já no caso do venoso, são os problemas de circulação nas pernas e nos braços causados pelo acúmulo de gordura nos vasos sanguíneos.

Homens e mulheres devem ficar atentos a estes sintomas. Fumantes e diabéticos tem de três a quatro vezes mais chances de desencadear o problema.
A repórter Clarissa Siqueira conversou com a dona de casa Maria dos Prazeres da Silva, de 67 anos. Ela disse que sente muitas dores. “A circulação não está muito boa. Quando amanhece o dia está desinchado, quando começo a caminhar começa a inchar os pés. Depois que eu tive a chicungunha piorou”, disse.

O tratamento da doença vascular periférica, varizes e problemas de circulação é inicialmente cínico com uso de medicações e mudança no estilo de vida. O cirurgião vascular e coordenador da campanha, Silvio Romero, explica que é preciso estar atento aos sintomas:

A campanha no Parque da Jaqueira segue até as 11h desta quinta-feira.

Mais Lidas