VIOLÊNCIA

Polícia identifica suspeitos de assassinar dono de farmácia em Aldeia

As investigações apontam que não há dúvidas quanto ao crime de latrocínio, roubo seguido de morte

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 15/07/2016 às 10:41
Leitura:
Delegado Ramon Teixeira
Foto: Rafael Carneiro/ Rádio Jornal

Em 10 dias de investigação, a Polícia Civil conseguiu esclarecer a morte do cozinheiro Nilton José Dias, de 62 anos, assassinado em uma farmácia de aldeia em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife.

De acordo com a 8ª Delegacia de Homicídios de São Lourenço da Mata e Camaragibe, as imagens do circuito de câmeras do estabelecimento ajudaram a identificar a participação dos suspeitos.

Para o delegado Ramon Teixeira não há dúvidas quanto ao latrocínio. “A investigação demonstrou de forma bastante clara que houve um assalto a farmácia. O estabelecimento foi assaltado por um indivíduo enquanto o outro dava cobertura”, detalhou o delegado, acrescentando, em seguida, que o assaltante identificou que o idoso estava com uma faca em mãos e o executou com um tiro no rosto.

Confira os detalhes na reportagem de Rafael Carneiro:

O circuito interno de imagens do estabelecimento registrou a chegada numa moto, de Odair José de Marcone Justino, o Dadá, e Ivanildo de Sales Luciano, conhecido como Popaye, o executor. Os dois eram foragidos e integrantes de um grupo criminoso com atuação na Região Metropolita há pelo menos 4 anos.

O trabalho policial descobriu que após o episódio na farmácia, em que levaram celulares e 300 reais, a dupla se escondeu em Serrambi, no Litoral Sul, do estado e em seguida retornaram para a Ilha de Itamaracá, na Região Metropolitana do Recife.

Lá, ainda tentaram matar um rival com a ajuda de Weberton do Nascimento da Silva, o Bebeto, também considerado foragido por assaltos na área.

Na última quarta-feira (13), com a participação da Delegacia de Homicídios de Itamaracá, foi preso o líder intelectual da organização, Edmilson José da Silva.
O delegado Ramon Teixeira pede ajuda da população para capturar os alvos soltos. O telefone da 8ª Delegacia de Homicídios de São Lourenço da Mata e Camaragibe é o 31826034

Mais Lidas