Wesley Safadão doa cachê do São João de Caruaru a cinco instituições da cidade

Entrega dos cheques aconteceu nesta terça-feira (26) no Recife. Doação aconteceu depois de polêmica envolvendo o valor do cachê

SOLIDARIEDADE

Rádio Jornal

Entrega dos cheques foi feita nesta terça-feira no Recife
Foto: Fernando da Hora / JC Imagem


Depois de muita polêmica envolvendo o cachê de R$ 575 mil pago ao cantor Wesley Safadão no São João de Caruaru deste ano, o dinheiro finalmente teve um destino. Depois de protestos nas redes sociais, considerando abusivo o cachê pago pelo Governo de Pernambuco ao cantor, Safadão anunciou em pleno show que todo o dinheiro recebido com a apresentação seria doado para instituições de caridade da cidade do Agreste de Pernambuco.

Nesta terça-feira (26), quase um mês depois do anúncio, Safadão fez a doação às seguintes instituições: Lar da Criança Pobre Nossa Senhora do Carmo; Centro de Educação Popular Comunidade Viva (Comviva); Casa dos Pobres São Francisco de Assis; Insituto do Câncer Infantil do Agreste (ICIAH) e Centro Social São José do Monte. Cada instituição recebeu um valor de R$ 92.943. Cada instituição recebeu um valor de R$ 92.943.

O cachê do cantor foi bastante questionado devido também a uma diferença em relação à apresentação em Campina Grande, na Paraíba, onde ele recebeu R$ 195 mil para se apresentar na mesma época do ano. A poucos dias da apresentação em Caruaru, uma decisao judicial através de uma ação popular suspendeu o show, mas a prefeitura recorreu e conseguiu manter o cantor na grade da festa.

Cerca de 120 mil pessoas assistiram a apresentação do artista no São João e presenciaram o anúncio da doação. Nesta terça (26), Wesley Safadão explicou como tomou a decisão: "Estou muito feliz, agradecendo a Deus por mais esta oportunidade. (...) a gente trabalha para ganhar dinheiro mesmo, ver o nosso trabalho reconhecido, mas a forma como isso aconteceu não me deixou em paz (...). Pedi a Deus para que me iluminasse, tocasse meu coração e na hora decidi fazer isso."

[uolmais_audio 15940380]

A demora de quase um mês para formalizar a doação foi porque os empresários do cantor estavam fazendo um levantamento do trabalho realizado pelas instituições que receber a doação, também explicou o cantor.

TAGS

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

CONTINUE LENDO