CONSULTÓRIO DE GRAÇA

Especialistas tiram dúvidas sobre Chikungunya e doenças vasculares

O tema foi destaque no Consultório do Rádio Livre desta quarta-feira (3)

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 03/08/2016 às 20:23
Leitura:
Foto Ilustrativa

Em tempos de tríplice epidemia das arboviroses (dengue, zika e chikungunya) no Brasil, os profissionais da saúde estão cada dia mais engajados nos estudos destas três doenças. Entre elas, a Chikungunya é uma das que mais preocupam por causa das fortes dores nas articulações sofridas pelos enfermos.

Para abordar “A Chikungunya e as doenças vasculares”, Graça Araújo recebeu, no Consultório do Rádio Livre desta quarta-feira (3), a cirurgiã vascular Dra. Catarina Almeida e a reumatologista Dra. Cláudia Marques. Ouça o Consultório, na íntegra:

As famosas dores nas “juntas”, ou articulações, são um dos sintomas mais comuns e mais incômodos da Chikungunya. A Dra. Cláudia Marques explicou que, além das articulações, a reumatologia trata das doenças que acometem os ossos, músculos e a coluna.

Ela destacou, ainda, que alguns estudos mostram que de 30 a 40% dos pacientes que têm a Chikungunya aguda, tem grandes chances de desenvolver as manifestações crônicas (permanentes) da doença. E isso vai depender da resposta imune do paciente. “Cada um responde de uma maneira diferente à presença do vírus”, explica.

Entre os grupos de pessoas mais vulneráveis a desenvolver o reumatismo crônico, estão: pessoas de idade mais avançada, mulheres, pessoas com doenças prévias como hipertensão ou obesidade.

Mais Lidas