SEGURANÇA

Metrô e Celpe alertam jogadores do aplicativo Pokémon Go

Já foram registrados casos no país onde o jogador teve o smartphone roubado em locais públicos

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 06/08/2016 às 14:09
Leitura:
Foto: Reprodução/ Facebook

O Metrô do Recife lançou uma campanha nas redes sociais para alertar jogadores do aplicativo Pokémon Go sobre risco de acidentes.

O jogo baseado no desenho animado japones dos anos noventa foi lançado no Brasil na noite de quarta-feira (3) com sucesso imediato. Trata-se da captura de criaturas num ambiente real a partir das imagens da câmera do aparelho celular.

Já foram registrados casos no país onde o jogador teve o smartphone roubado em locais públicos. Também nas redes sociais há relatos de acidentes na busca por pikachu, bulbasaur, charmander e squirtl e companhia.

Nos pontos turísticos estão um maior número de personagens e com isso a possibilidade de acumular mais pontos e subir de nível. Na praça do Marco Zero, no bairro do Recife, é grande a movimentação de pessoas com celular na mão em busca dos pokémons.

A CBTU Recife lança uma campanha nas redes sociais para alertar sobretudo crianças e adolescentes sobre o risco de acidentes. A principal mensagem é não ultrapassar a faixa amarela de segurança nas plataformas de embarque e desembarque.

Salvino Gomes, gerente operacional de comunicação e marketing da CBTU Recife afirma que todo cuidado é pouco:

A Celpe também emitiu um comunicado para a caça de pokémons próximos a rede elétrica e subestações de energia. Somente profissionais capacitados e a serviço da concessionária estão autorizados e aptos a subir em postes.

Em caso de acidentes com energia elétrica, deve-se desligar de imediato o disjuntor elétrico ou a chave geral.

Pablo Andrade, gerente de segurança da Celpe, afirma que há uma campanha educativa nas redes sociais. Ouça:

Mais Lidas