TRANSPORTE

Taxistas preparam protesto contra o Uber para esta segunda-feira

Associação dos Taxistas espera a participação de mais de cinco mil profissionais do Recife, Olinda e Jaboatão. Uber começou a funcionar em março

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 21/08/2016 às 19:13
Leitura:
Emprresa de motoristas particulares Uber está funcionando no Recife desde março. Foto ilustrativa: reprodução/internet


A Associação dos Taxistas do Recife está organizando mais um protesto da categoria contra o funcionamento da empresa Uber no Recife para esta segunda-feira (22). O aplicativo chegou à capital pernambucana em março deste ano e vem sendo motivo de diversas paralisações nos taxistas.

A concentração está marcada para às 6h em frente ao Geraldão, na Avenida Mascarenhas de Morais, Zona Sul do Recife. O protesto deve acontecer também na Abdias de Carvalho, na Avenida Recife e próximo ao Aeroporto.

A expectativa da Associação dos Taxistas é que 5 mil carros do Recife e 800 táxis de Olinda e jaboatão participem do protesto. Os taxistas podem fechar a via e realizar carreata para chamar atenção do poder público.

Os profissionais alegam que perderam grande parte da clientela, desde que o Uber passou a funcionar na capital pernambucana. Os motoristas se agarram na Lei Federal 12.468 de 2011, que diz que o transporte público individual de passageiros deve ser feito exclusivamente por taxistas.

No dia 13 de julho, um protesto de taxistas paralisou o centro do Recife e deixou várias vias da cidade engarrafadas. Na época, protesto durou quatro horas.

Apesar da informação do protesto de hoje ter sido repassada pela associação profissional os taxistas, ninguém quis gravar com a reportagem. O Sindicato dos Taxistas do Recife informa que não apoia o movimento

Mais Lidas