DESEMPENHO

Atletas pernambucanos ficam longe do pódio nas Olimpíadas do Rio

Melhor colocação foi a da goleira Bárbara da Seleção Brasileira de Futebol, que ficou em quarto lugar na disputa contra o Canadá. Yane não conseguiu reproduzir o bronze das Olimpíadas de londes

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 22/08/2016 às 7:12
Leitura:


Dos 17 competidores que representaram o estado, apenas a goleira Bárbara, da Seleção Brasileira de futebol, esteve perto de subir ao pódio. O sonho não se concretizou, já que a seleção perdeu a decisão da medalha do bronze para o Canadá.

A pentatleta Yane Marques acabou não correspondendo às expectativas e terminou a participação na 23ª posição. Há 4 anos, em Londres, a sertaneja conquistou o bronze na categoria.

As jogadoras Dani Lins e Jaqueline também eram favoritíssimas para ganhar o ouro no vôlei, mas o Brasil caiu nas quartas de final e o sonho das pernambucanas foi por água abaixo. Na natação, Etienne Medeiros até chegou na final dos 50 e dos 100 metros livre, mas terminou as provas na 8ª posição.

O pernambucano Wagner Domingos, primeiro brasileiro a competir no arremesso de martelo em 84 anos, passou bem pela fase eleiminatória, mas ficou longe de sua melhor marca e não passou para a final. Montanha terminou em último.

Joanna Maranhão desabafa sobre peso da responsabilidade

Em sua quarta participação em Olimpíadas, a também nadadora Joanna Maranhão sequer passou das semifinais nas provas disputadas no Rio. A recifense reconhece o mau momento da natação brasileira e diz que o país precisa investir na modalidade para fazer bonito daqui a 4 anos.

Mais Lidas