SEGURANÇA

Polícia Federal preocupada com segurança dos caçadores de Pokémon

Angústia de pais motivou palestras em escolas e faculdades. Orientação é usar bom senso e evitar usar o Pokémon GO em lugares inseguros

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 26/08/2016 às 11:26
Leitura:
Imagem ilustrativa: reprodução/internet


O jogo Pokémon GO estreou no Brasil em 3 de agosto e virou uma febre instantaneamente. Preocupada com a segurança dos jogadores, a Polícia Federal em Pernambuco resolveu incluir orientações para a utilização segura da ferramenta em suas palestras em escolas. Saiba mais na reportagem de Juliana Oliveira:

De acordo com o chefe de comunicação da Polícia Federal em Pernambuco, Giovani Santoro, a necessidade surgiu da preocupação dos pais. Para ele é importante usar o bom senso, não compartilhar informações pessoais, andar em grupos e só usar os celulares em ambientes seguros.

NO BRASIL

O Pokémon GO é um jogo pensado para funcionar em plataforma mobile, sejam elas celulares smartphones ou tablets. O aplicativo é uma criação da Nitendo e virou uma febre no mundo inteiro.

A ideia é usar os dispositivos móveis para capturar virtualmente pokémons e alcançar um maior status no ranking. De acordo com a Polícia Federal, 70 milhões de usuários já estão cadastrados no jogo virtual.

Mais Lidas