ATO

Artistas de circo de Pernambuco protestam no Recife

Os artistas pediam melhores condições de trabalho e espaço para abrir lonas nas cidades no interior

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 14/09/2016 às 14:10
Leitura:
Foto: Clarissa Siqueira/Rádio Jornal


Depois de protestarem pelas ruas do centro do Recife, cerca de 50 artistas de circo de Pernambuco conseguiram marcar para a próxima quarta-feira (21) uma reunião na Fundação de Cultura do Estado.

O grupo saiu em caminhada nesta quarta-feira (14) do Pátio do Carmo em direção ao Palácio do Campo das Princesas, onde se reuniram com o secretário executivo da Casa Civil, Marcelo Canuto, e apresentaram uma pauta de reivindicações.

No documento, propostas como um terreno em cada cidade no interior do Estado para atividades culturais circenses e material educacional gratuito destinado as crianças nômades. O organizador do protesto, Alexsandro Alves, dono do Circo Bambolê, diz que a reunião com o governo foi satisfatória:



Durante o protesto, os artistas saíram pelas ruas vestidos de palhaços, bailarinos, mágicos.

Através de nota, o secretário Marcelo Canuto reafirmou o compromisso do governo com os circos de Pernambuco. Ele lembrou do fomento, por meio do Funcultura, de R$ 1,2 milhão para o desenvolvimento dessa atividade, além da lona de circo do Festival de Inverno de Garanhuns, que este ano destinou R$ 450 mil para os artistas do picadeiro.

Mais Lidas