AÇÃO SOCIAL

Projeto Colmeia atende dois mil moradores da Zona Norte do Recife

A ação está no Alto José do Pinho nesta sexta. O Projeto Colmeia oferece serviços de saúde e cidadania

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 16/09/2016 às 9:34
Leitura:
Foto: Clarissa Siqueira/Rádio Jonal


Cerca de 2 mil moradores do Alto José do Pinho, na Zona Norte do Recife, devem ser atendidas gratuitamente nesta sexta-feira (16). A ação do Projeto Colmeia Comunidade acontece na Escola Dona Maria Tereza Corrêa até às 12h e oferece orientações sobre saúde, beleza, sustentabilidade e cidadania.

O projeto tem como público alvo aqueles que possuem pouco aceso a serviços de saúde e cidadania. A coordenadora de educação em saúde do Sesc Pernambuco, Mônica Regueira, afirma que os moradores dos bairros vizinhos ao Alto José do Pinho também podem ser atendidos. “O objetivo do projeto é empoderar a comunidade para o cuidado com a saúde, além da garantia da cidadania", diz.

SERVIÇOS

São oferecidos serviços de orientação sobre saúde bucal, Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST), alimentação saudável, tabagismo, gravidez na adolescência e saúde da mulher com ênfase na prevenção e diagnóstico do câncer de colo de útero e câncer de mama. No local, o público também vai ter acesso a testes rápidos de doenças como Sífilis, HIV e Hepatite B e C, além de poder fazer o cadastro e atualização do Cartão do SUS.

O Colmeia Comunidade disponibiliza orientações jurídicas com informações aos segurados do INSS. A Defensoria pública vai atuar no encaminhamento para casamento, retificação de Registro Civil, além de orientações para procedimentos como divórcio, investigação de paternidade, pensão de alimentos e Direito do Consumidor.

A próxima edição do Projeto Colmeia Comunidade acontece no dia 28 de outubro no Ibura. No dia 11 de novembro é a vez do bairro de Santo Amaro e em 1º de dezembro, a ação será realizada na Macaxeira.

Mais Lidas