SUSTO

Aluna é ameaçada de estupro dentro da Faculdade de Direito do Recife

A aluna foi abordada por um homem no início da tarde desta segunda-feira (19) no estacionamento da instituição

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 19/09/2016 às 17:43
Leitura:

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem


A aluna da Faculdade de Direito do Recife, Paula Roberta, foi assaltada na tarde desta segunda-feira (19) dentro da instituição, que fica no centro da capital pernambucana. A estudante cursa o 2º período e foi abordada por um homem armado no estacionamento.

Paula foi abordada na parte lateral do prédio da FDR. "Ele prendeu meu braço e colocou a arma na região da minha barriga. Mandou eu entregar o celular e ameaçou me estuprar ali mesmo", disse.

A vítima é de Goiás e veio morar no Recife apenas para estudar na Faculdade. Segundo Paula, não havia seguranças no momento do assalto porque o guarda estava em horário de almoço. A segurança interna da faculdade é de responsabilidade de uma empresa tercerizada.

Paula afirma que esse é o segundo assalto do qual é vítima desde março deste ano, quando veio morar em Recife. "Meus pais querem que eu volte para o meu estado. Porque ficamos com medo dessa violência toda", pontuou.

Quando se recuperar do susto, a vítima deve fazer um Boletim de Ocorrência.

RESPOSTA

A assessoria de comunicação da UFPE repassou à reportagem o contato do superintendente de Segurança da Instituição, Armando Nascimento. De acordo com a fonte ouvida pelo JC, "das 7h às 17h, momento de menor movimento na faculdade, só um segurança faz a guarda na área da FDR em que a moça foi assaltada".

Ainda de acordo com a fonte havia uma empresa de controle de entrada e saída dos portões que teria sido afastada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) por irregularidades na contratação.

Nascimento informa, também, que uma nova licitação está em andamento para a contratação de uma empresa de controle para os portões: "A previsão é que, dentro de um mês, uma nova empresa esteja fazendo a segurança nos três portões de acesso à FDR".

Mais Lidas