ATO

Estudantes da Aeso protestam e cobram mais segurança

Os alunos pedem mais segurança nas proximidades da faculdade depois de relatos de recorrentes assaltos na área

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 21/09/2016 às 13:41
Leitura:
Foto: Pedro Carneiro/Cortesia


Estudantes da Faculdade Aeso Barros Melo, em Olinda, realizaram um protesto na manhã desta quarta-feira (21) em frente à instituição. Eles pedem mais segurança no entorno da faculdade após relatos de alunos de assaltos recorrentes na área.

Durante o ato, as entradas e o estacionamento da faculdade foram fechados. Um estudante tentou passar à força com o carro no meio do protesto e deixou algumas pessoas levemente feridas. Como a polícia estava no local, o jovem foi encaminhado para Central de Flagrantes.

A diretora da Faculdade Aeso, Ivânia Barros Lima, cobra do poder público mais segurança no entorno da instituição de ensino. Ela afirma que câmaras de segurança foram encaminhadas para polícia:



Em nota, a assessoria de comunicação da Polícia Militar informou que o policiamento ostensivo em Jardim Brasil, onde fica a faculdade, é realizado pela patrulha do bairro. A PM disse ainda que é importante registrar as denúncias de assaltos e descrever as características dos suspeitos.

Segundo a comissão dos estudantes da faculdade, nesta quinta-feira (22), às 9h, está marcada uma reunião entre alguns alunos e o comandante do primeiro batalhão da Polícia Militar, no Batalhão de Olinda, para pedir mais segurança na área.

Mais Lidas