ROUBO

Mulher aplica golpe e desvia cerca de R$ 500 mil no Cabo

A suspeita comprou um posto de pagamentos localizado no Cabo de Santo Agostinho e desviava dinheiro de contas da população

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 27/09/2016 às 16:29
Leitura:
Foto: Reprodução/Internet



A ex-proprietária de um posto de pagamentos, localizado no Cabo de Santo Agostinho, Giselba Karina, prestou depoimento nesta terça-feira (27) sobre um golpe aplicado em sua antiga loja Pague Fácil, que recebia pagamentos através de um correspondente bancário do Banco do Brasil.

Segundo informações da polícia, ela colocou seu posto em repasse na internet e uma pessoa, identificada como Sueli de Lima, da Paraíba, mostrou interesse.

Sueli pagou R$ 20 mil no ato da compra e, depois, pagaria mais R$ 15 mil. De prontidão, a mulher já ficou à frente do negócio. Mas tudo se tratava de uma ação fraudulenta, que terminou desviando mais de R$ 500 mil dos moradores do distrito de Ponte dos Carvalhos.

De acordo com informações da Polícia Civil, a quantia equivale a 800 boletos que deveria ter sido pagos no início deste mês. No depoimento desta terça-feira, Giselba afirmou que também foi enganada pela ação de Sueli.

O delegado de repressão ao estelionato e responsável pelo caso, Rômulo Ayres, conversou com a produção da Rádio Jornal e explicou que está sendo requisitado todos os boletins de ocorrência que foram feitos no local. “Também requisitei imagens de lá para ver se a gente identifica essa Sueli e o namorado dela, que no final do expediente ia na loja e levava o dinheiro”, explicou.

Ouça a fala do delegado Rômulo Ayres na íntegra:

Mais Lidas