ELEIÇÕES 2016

Polícia Federal apreende material que caracteriza crime eleitoral

O material, apreendido em Camutanga, caracteriza compra de voto. Os suspeitos vão responder em liberdade

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 01/10/2016 às 10:17
Leitura:
Foto: Polícia Federal de Pernambuco

A Polícia Federal apreendeu material que caracteriza compra de voto no município de Camutanga em imóveis que pertencem a candidatos aos cargos de prefeito e vice da cidade. Como eles não estavam no local no momento do cumprimento dos três mandados, nesta sexta-feira (30/9), vão responder ao inquérito, mas continuam concorrendo.

A apreensão foi realizada em conjunto com o Ministério Público de Pernambuco e as polícias Civil e Militar. Segundo a Polícia Federal, foi encontrada uma lista com valores correspondentes a R$ 1 milhão em votos comprados. Foram encontrados materiais como uma relação de eleitores, relacionados a benefícios como material de construção, dinheiro, próteses, custeio de exames, medicamentos, passagens aéreas e combustível, além do valor de quase R$ 30 mil reais em espécie.

Confira a reportagem de Ravi Soares:

Mais Lidas