INFLAÇÃO

Economista fala sobre combate à inflação e PEC 241

De acordo com Ecio Costa a aprovação da PEC 241 é uma das medidas positivas para combater a inflação

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 10/10/2016 às 17:16
Leitura:
Foto: Divulgação

Segundo o Boletim Focus do Banco Central, analistas do mercado financeiro reduziram a expectativa para o aumento do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deste ano e de 2017. Gerando uma surpresa com a inflação de setembro, que cedeu muito mais do que o esperado.

Na coluna Economia e Negócios desta segunda-feira (10), o apresentador Wagner Gomes questionou o economista Ecio Costa sobre o assunto. Segundo Ecio, a redução se dá tanto pelo combate à inflação, como pela estagnação da economia brasileira. "A economia está em um ritmo muito lento. Mas ao mesmo tempo o combate à inflação também impede que você tenha pressão sobre os preços, porque desacelera a demanda", afirmou Ecio.

Ecio afirmou que com a inflação cedendo e expectativa se reuzindo para quase 7%, é provavel que o Comitê de Política Monetároa (Copom) venha a promover uma redução na taxa de juros da economia, saindo do atual 14,25% para 13,75%.

Ele ainda comentou sobre a votação do teto que pretende impôr limite nas despesas do governo, que também influenciam muito na inflação. "Isso traz um controle a mais para que não volte a ter pressão inflacionária num curto prazo", afirmou. E ressaltou que essa é uma medida de extrema importância: "É positivo fazer a aprovação da PEC (...) os investidores internacionais estão de olho nisso", e completou "Eles voltam a ter confiança na economia e voltam a colocar dinheiro aqui, acreditando na economia brasileira".

Ouça o comentário abaixo:

Mais Lidas