Polícia investiga morte de criança em parque aquático de Olinda

A criança morreu afogada no último sábado (8), no Coqueiral Park, em Ouro Preto, Olinda

MORTE

Rádio Jornal

Foto: Rafael Souza / Rádio Jornal 

A Polícia Civil esteve nesta terça-feira (11), no Coqueiral Park, em Olinda, onde uma criança se afogou e morreu no último sábado (8) para avaliar o que realmente aconteceu. Foram colhidas informações que devem ajudar nas investigações. Como o local está funcionando, os polícias devem voltar para fazer outras avaliações quando o Park estiver fechado. 

Confira as informações no Flash de Ravi Soares:
[uolmais_audio 16023281]

Criança

O afogamento aconteceu por volta das 9h30 da manhã. A criança foi socorrida no local por salva-vidas e levada pelo Corpo de Bombeiros à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Olinda, sendo encaminhada para o Hospital da Restauração (HR), no centro do Recife, mas não resistiu e morreu por volta das 12:50.

O parque emitiu uma nota de pesar pelo acontecimento e se colocou à disposição da justiça para qualquer tipo de investigação.

Veja a nota completa: 

O Coqueiral Park Empreendimentos Ltda, empresa pernambucana com sede em Olinda, atuante no segmento de lazer há aproximadamente 15 anos, vem, por meio desta nota oficial, prestar os devidos esclarecimentos dos fatos ocorridos em suas dependências no último sábado, dia 08/10/2016.

O menor de 06 anos, que infelizmente foi personagem do episódio fatídico de afogamento ocorrido na piscina do parque aquático, participava junto com seus familiares de um evento promovido pela Escola Falconi, para o qual o espaço específico e a estrutura de lazer do parque foram contratados.

Como empresa série e idônea que é, o Coqueiral Park, como de costume, contava nesta ocasião com sua equipe de segurança altamente treinada e devidamente capacitada, formada por profissionais de enfermagem, salva vidas e bombeiros civis, para quaisquer eventualidades. 

Na constatação de afogamento, a criança foi prontamente resgatada pelo profissional salva vidas, que juntamente com o restante da equipe promovera os primeiros atendimentos necessários e o chamado do resgate, o qual chegou em aproximadamente 08 minutos, transportando o menor com vida para a UPA e posteriormente, para a emergência pediátrica do Hospital da Restauração, local onde a criança veio a óbito.

O Coqueiral Park lamenta imensamente a fatalidade ocorrida, fato inédito em toda a sua trajetória de atividades, ao passo que se coloca à disposição da família para prestar toda a assistência necessária, solidarizando-se neste momento de dor, e reiterando ainda, seu permanente compromisso com a qualidade, segurança e bem-estar das famílias no ambiente de lazer do parque.

TAGS

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

CONTINUE LENDO