INQUÉRITO

Preso terceiro suspeito de latrocínio contra administradora no Recife

Amanda Adélia, de 25 anos, foi vítima de latrocínio no mês de agosto deste ano. Suspeito teria sido o responsável pelo disparo efetuado contra a mulher

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 06/12/2016 às 17:13
Leitura:
Foto: Ricardo B. Labastier/ JC Imagem

A Polícia Civil de Pernambuco apresentou nesta terça-feira (6) os detalhes da prisão do terceiro homem suspeito de envolvimento no crime que aconteceu no bairro do Cajueiro, Zona Norte do Recife, no mês de agosto deste ano, quando um grupo teria roubado e matado a administradora de empresas Amanda Adélia dos Santos, de 25 anos.

De acordo com a polícia, o suspeito, identificado como Nicanor da Silva Santos, vulgo Paulista, de 31 anos, foi detido na última sexta-feira (2), no bairro do Vasco da Gama, na Zona Norte do Recife, após ter tomado de assalto um carro de um casal de médicos que passava pela Iputinga, na Zona Oeste do Recife.

Segundo o delegado Paulo Furtado, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), contra o suspeito havia um mandado de prisão temporário por latrocínio, roubo seguido de morte. De acordo com o delegado, ele seria o autor do crime.

Ainda de acordo com o delegado, Nicanor tem participação em outros crimes praticados no Sul do país.

Nicanor da Silva foi encaminhado ao Cotel, em Abreu e Lima. Os outros dois suspeitos que tiveram participação no crime também já estão no centro de triagem à disposição da Justiça.

Confira os detalhes na reportagem de Juliana Oliveira:

Relembre o caso

O crime aconteceu na noite do dia 31 de agosto quando a administradora saía de uma casa onde funcionava um salão de beleza, no bairro de Cajueiro, na Zona Norte do Recife. Amanda foi abordada pelos suspeitos quando já estava dentro do carro dela.

A jovem foi morta após um dos homens ter efetuado um disparo de arma de fogo que atingiu o pescoço da vítima. Amanda ainda foi socorrida para o Hospital da Restauração, mas já chegou sem vida.

Mais Lidas