CENTRO DA MODA

Suspeitos de explodir caixas, em Olinda, fugiram sem levar dinheiro

Caixas eletrônicos do Banco do Brasil e do Bradesco foram alvo de explosão nesta quarta-feira. Na explosão, cédulas foram queimadas

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 07/12/2016 às 14:26
Leitura:
Foto: Clarissa Siqueira/ Rádio Jornal

260. Esse é o número de caixas eletrônicos e agências de bancos que foram alvos de assaltos e explosões em Pernambuco apenas este ano, de acordo com o Sindicato dos Bancários. É quase uma investida por dia.

Nesta quarta-feira (7), o dado foi reforçado com mais dois terminais eletrônicos, um do Banco do Brasil e outro do Bradesco, dentro do Centro da Moda, no bairro de Peixinhos, em Olinda.

A polícia deve usar imagens das câmeras de segurança do local para identificar os seis homens que renderam os seguranças e o policial militar, explodiram um dos caixas e arrombaram o outro. Ainda de acordo com os policiais, os suspeitos fugiram sem levar dinheiro, pois durante a explosão todas as cédulas foram queimadas.

Confira todos os detalhes na reportagem de Clarissa Siqueira:

Funcionamento

O caixa eletrônico do Banco do Brasil explodido funcionava dentro do Expresso Cidadão, que não funcionou pela manhã. No local, além do Expresso Cidadão, há serviços como Detran e Caixa Econômica Federal. Quem frequenta o espaço já esperava por esse tipo de crime.

A Secretaria de Administração do Estado informou que o Expresso Cidadão deve voltar a funcionar na tarde desta quarta-feira (7). As pessoas que já estavam agendadas para hoje vão ter prioridade no atendimento.

Mais Lidas