TRANSPORTE

Após acordo com rodoviários, ônibus da Cidades Alta voltam a circular

De acordo com o Sindicato dos Rodoviários, nenhum ônibus das 18 linhas operadas pela Cidade Alta saiu das garagens entre 4h e 7h30

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 09/12/2016 às 7:35
Leitura:
Foto: Cinthia Ferreira/TV Jornal


A manhã desta sexta-feira (9) começou tumultuada para quem depende do transporte público. Durante mais de três horas, cerca de 700 motoristas, cobradores, além de funcionários da manutenção e do administrativo da empresa Cidade Alta paralisaram as atividades em protesto contra o atraso no salário e no vale alimentação deste mês.

De acordo com o Sindicato dos Rodoviários de Pernambuco, nenhum ônibus das 18 linhas saiu da garagem da empresa antes das 7h30. Mais de 60 mil passageiros dos municípios de Olinda e Paulista foram afetados com o movimento.

A circulação dos veículos e os intervalos entre as linhas deve ser normalizados até o meio da manhã. Saiba mais na reportagem de Clarissa Siqueira:

No Terminal Integrado de Rio Doce cinco linhas foram afetadas pela paralisação. A empregada doméstica Etiene Silva precisa chegar ao bairro de Jardim Atlântico, mas a espera durou mais de 40 minutos. "Não estava sabendo não. Fiquei sabendo quando cheguei aqui na integração e os ônibus não estavam mais saindo", disse.

A professora Jésica Borges também precisa pegar o ônibus Rio Doce (Conde da Boa Vista). Ele esperou mais de uma hora. Mesmo diante do atraso, concorda com a paralisação dos rodoviários. "Acho justo. Eles são trabalhadores e todo mundo quer receber seu dinheiro. A paralisação acaba sendo um efeito dominó e todo mundo sofrendo junto", completa.

ACORDO

De acordo com o assessor de comunicação do Sindicato dos Rodoviários, Genildo Pereira, um acordo entre os funcionários e os admnistradores da empresa, com intermediação do secretário das Cidades, Francisco Papaléo. "Os salários e os ticketes estão sendo pagos todos amanhã (10)", diz Genildo. "Só quero lembrar que por trás de cada catraca e cada volante existe um pai e uma mãe de família querendo levar o seu sustento para casa", completa.

Grande Recife

Em nota, o Grande Recife Consórcio de Transporte afirma que "foi surpreendido na manhã desta sexta-feira (9) com a paralisação da empresa operadora Cidade Alta". Para minimizar o impacto, o órgão afirma que redistribuiu as linhas que operam nesta empresa entre duas outras que também fazem parte do consórcio Conorte, são elas a Rodotur e Itamaracá.

Mais Lidas