SOLIDARIEDADE

Após incêndio, moradores da Vila Santa Luzia pedem colaboração

Nesta terça-feira (13), a prefeitura do Recife realizou um mutirão de emissão de documentos e entrega de colchões e cestas básicas, numa escola estadual, próxima à comunidade

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 13/12/2016 às 14:52
Leitura:
Foto: Rádio Jornal


Os moradores tentam reconstruir a vida um dia depois de perder tudo, no incêndio que destruiu as residências na comunidade da Vila Santa Luzia, no bairro da Torre. Nesta terça-feira (13), a prefeitura do Recife realizou um mutirão de emissão de documentos e entrega de colchões e cestas básicas, na Escola Estadual Creusa Barreto Dornelas Câmara (CAIC), que fica próxima da comunidade. Este é o segundo incêndio na comunidade Santa Luzia. Em fevereiro, cerca de 500 famílias ficaram desabrigadas.

Confira os detalhes na reportagem de Juliana Nascimento:


Vítimas


Das três pessoas da mesma família que ficaram feridas e foram para o Hospital da Restauração, na área central do Recife, só Ivanildo da Silva Oliveira, de 32 anos, permanece no HR, mas o quadro dele é estável. Ele sofreu queimaduras e inalou fumaça. Já a esposa dele, Karla Juliana de Oliveira, de 32 anos, que também teve queimaduras leves e a filha, Karen Juliana da Silva, de 1 ano, que inalou fumaça tiveram alta na noite desta segunda-feira (12).

Os moradores prejudicados pelo incêndio foram levados para o abrigo da prefeitura localizado na Travessa do Gusmão, no bairro de São José. Um laudo do Instituto de Criminalística deve apontar quais as causas exatas, daqui a 30 dias. Quem quiser colaborar com fraldas, roupas e leite para filha de Karla Juliana pode ligar para o telefone: (81) 9 8312-3441. Quem quiser ajudar outras famílias pode ligar para a Defesa Civil no 0800 081 34 00.

Mais Lidas