OLINDA

Vendedor de loja de eletrônicos é preso em Olinda suspeito de assaltos

Segundo a polícia, Jeferson Alberto trabalhava às 9h num emprego com carteira assinada e entre às 6h e às 8h30 cometia assaltos inclusive a vizinhos

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 23/12/2016 às 17:42
Leitura:
Foto: Marcela Maranhã/ Rádio Jornal

Foi encaminhado ao Cotel, em Abreu e Lima, Jeferson Alberto de Melo Moura, de 26 anos, na tarde desta sexta-feira (23). Depois de ter sido reconhecido por mais de uma vítima, ele foi preso e confessou à polícia ter praticado uma série de assaltos.

De acordo com o delegado titular de Peixinhos, em Olinda, Gilmar Rodrigues, só entre segunda-feira (19) e terça-feira (20), Jeferson teria assaltado cerca de 12 vezes. O que mais surpreende nesse caso, é que o rapaz tinha um emprego fixo, com carteira assinada numa loja de eletrônicos localizada na Rua da Concórdia, na área central do Recife.

“Ele saia de manhã de casa, por volta das 6h, e assaltava até às 8h30, porque 9h ele estava no emprego na Rua da Concórdia”, contou o delegado, dizendo que a prática já acontecei há três anos.

Confira os detalhes na reportagem de Marcela Maranhão:

Segundo o delegado, ele conhecia algumas vítimas e os locais das investidas eram sempre as ruas que ele passava. Os crimes eram cometidos com a ajuda de um comparsa, identificado como Pedro Fagner, que era vizinho de Jeferson e também trabalhava com ele na loja. Eles foram reconhecidos por pessoas da vizinhança que haviam sido assaltadas pela dupla.

Um mandado de prisão preventiva será expedido contra Pedro Fagner. Quando foi questionado pela imprensa, Jeferson disse que a placa da moto dele havia sido clonada, negando envolvimento.

Mais Lidas