FIM DO IMPASSE

Dirigentes de associações militares pernambucanas voltam às atividades

A decisão foi da justiça, que suspendeu a liminar que afastava os dirigentes das funções de trabalho

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 25/12/2016 às 13:14
Leitura:
Foto: Divulgação/Internet


A justiça determinou que os presidentes e vice-presidentes da Associação Pernambucana dos Cabos e Soldados Policiais e Bombeiros Militares (ACS) e da Associação dos Militares Estaduais (AME) retornem às atividades nos quarteis. A decisão foi deferida, no último sábado (24), pelo desembargador Ricardo Paes Barreto. Os militares estavam afastados de suas funções, pois estavam à frente do Comando das Associações, que representam os policias e bombeiros militares.

A medida do Comando havia sido suspensa por duas liminares dos dias 20 e 21 de dezembro em favor do presidente e vice-presidente ACS-PE, Albérisson Carlos e Nadelson Leite, respectivamente, e os dirigentes da AME-PE, Vlademir José de Assis e Yulo Eugênio Quixaba de Araújo.

A Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco (PGE-PE) apresentou, nesta sexta-feira (23), recurso ao Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) contra as decisões.

Mais Lidas