FATALIDADE

Idosa que perdeu braço ao ser atropelada por metrô está estável

Acidente aconteceu no metrô da Linha Sul, entre as estações Prazeres e Guararapes. A mulher está sem identificação pois estava com documentos roubados

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 02/01/2017 às 17:07
Leitura:
Foto: Fernando da Hora/ Acervo JC Imagem

É estável o quadro de saúde de uma idosa, ainda sem identificação, que foi atropelada na manhã desta segunda-feira (2) por um trem, na Linha Sul do Metrô do Recife. Ela foi levada para o Hospital da Restauração, na área central do Recife, onde se recupera, e teve um dos braços decepado, de acordo com a assessoria da unidade.

Documentos roubados

De acordo com a assessoria de imprensa do HR, a vítima inicialmente foi identificada como Amara Maria da Silva, mas agora está sem identificação, pois o documento que ela portava era roubado. Mas, pela aparência da mulher, ela é idosa.

A comprovação foi feita pela verdadeira dona do RG, que, ao ouvir os noticiários, se dirigiu ao Hospital da Restauração com um Boletim de Ocorrência onde registrou que havia sido roubada.

Como a vítima está sedada, não há como descobrir o verdadeiro nome dela. Agora, segundo a assessoria de imprensa do HR, só a Polícia Civil de Pernambuco poderá fazer a identificação.

O acidente

A idosa tentava atravessar a via entre as estações Prazeres e Guararapes, que ficam em Jaboatão dos Guararapes, quando foi atingida por uma composição. A mulher recebeu os primeiros socorros no local pela Polícia Militar e o Samu.

Mais Lidas