TRÁFICO

Preso com 100 kg de maconha, grupo receberia R$ 3 mil pela entrega

Cada um dos quatro suspeitos pegos com a maconha receberia R$ 3 mil com a conclusão da entrega da droga, com valor estimado de R$ 50 mil

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 05/01/2017 às 14:13
Leitura:
Foto: Rafael Carneiro/ Rádio Jornal


A Polícia Civil de Pernambuco, por meio do Denarc (Departamento de Repressão ao Narcotráfico), prendeu, na noite da última quarta-feira (4), um grupo suspeito de praticar tráfico de drogas no Estado.

A quadrilha que era formada por quatro pessoas, sendo três homens e uma mulher, foi detida no momento em que faria uma entrega de 100 kg de maconha no município de Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife. O valor estimado de toda droga apreendida é de aproximadamente R$ 50 mil.

De acordo com a polícia, parte do grupo teria saído com o entorpecente da cidade de Ibimirim, no Sertão do Estado, com destino ao Grande Recife onde fariam a venda a usuários na região.

Maria da Conceição Barbosa da Silva, Anderson José da Silva Francelino Santos, Romário Moraes Fagundes e José Everaldo da Silva confessaram que receberiam R$ 3 mil cada um pela entrega da maconha. Com eles a polícia também apreendeu dois carros que eram usados para transportar o entorpecente.

Confira os detalhes na reportagem de Juliana Oliveira:

O grupo já estava sendo monitorado há quase um mês, como detalhou o delegado Gilberto Loyo da 1ª Delegacia do Denarc. Durante a ação policial um suspeito, ainda não identificado, conseguiu fugir.

Prisões

Os suspeitos foram autuados pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico. Os três homens foram encaminhados ao Cotel, em Abreu e Lima, e a mulher foi levada à Colônia Penal Feminina Bom Pastor. Eles ficarão à disposição da justiça.

Mais Lidas