PASSAGEM DE ÔNIBUS

R$2,15: Frente de Luta pede valor prometido por governador na campanha

A Frente de Luta pelo Transporte Público de Pernambuco organiza ato para esta sexta-feira durante encontro que discute reajuste das passagens de ônibus

Rádio Jornal Rádio Jornal
Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 05/01/2017 às 15:38
Leitura:
Foto: Acervo/ JC Imagem


A Frente de Luta pelo Transporte Público de Pernambuco realiza um ato nesta sexta-feira (6), a partir das 8h, em frente ao Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda. No local, ocorre a reunião do Conselho Superior de Transporte Metropolitano que deve definir o reajuste nos valores das passagens.

O coordenador da Frente de Luta pelo Transporte Público, Pedro Joseph, reclama que o conselho só se reúne para discutir o aumento das passagens e nunca as melhorias do modal. “É importante que tenha discussão sobre a insegurança, a falta de qualidade, os terminais integrados (...) Mas infelizmente a população é sempre penalizada e pega de surpresa apenas com reajuste de tarifa de ônibus”, comentou.

Ouça a entrevista:

Frente defende promessa de campanha do governador

O encontro do conselho está marcado para as 8h30. Os donos das empresas de ônibus pedem aumento de 33,9%. Já a Frente pelo Transporte Público de Pernambuco defende unificar a tarifa em R$ 2,15, valor prometido pelo governador Paulo Câmara durante campanha.

Post no Facebook do governador Paulo Câmara voltou a circular nas redes sociais após o anúncio do reajuste.

“É essa proposta que a sociedade civil organizada irá apresentar para os outros conselheiros e aos outros (...) A proposta nossa é a do governador Paulo Câmara”, destacou.

No ano passado, o aumento aprovado nas passagens foi de 14,42%, os donos de empresas pediram 32%.

Mais Lidas